Corretoras de criptomoedas que permitem negocições com privaciade

corretoras de criptomoedas que guargam sua privacidade

Felizmente, ainda existem corretoras de criptomoedas que permitem aos usuários trocar moedas digitais, como bitcoin, sem exigir uma verificação de conta. Uma vez que as plataformas fornecedoras de oportunidades de negociação de criptomoedas começaram a aplicar cada vez mais requisitos de registro. Em muitos casos, estes são justificados com base nos regulamentos KYC e AML recentemente introduzidos.

Leia também: Porquê o preço do bitcoin não aumenta?

Perdendo o equilíbrio, novamente

A questão sobre o equilíbrio entre a privacidade e a transparência antecede ao nascimento do Bitcoin.

As moedas digitais descentralizadas surgiram em parte como uma resposta à tendência de economias e sociedades que se moviam em uma direção sem dinheiro, o que ameaçava a privacidade.

De certa forma, eles reintroduziram o conceito de dinheiro, com seu anonimato relativo, no espaço digital, e não a custo total da transparência em si.

Este novo equilíbrio foi desafiado. Hoje em dia, as trocas de criptomoedas encontram-se no meio do fogo cruzado entre o que muitos de seus clientes querem em termos de privacidade e o que os reguladores exigem que façam para limitá-lo.

A verificação da identidade faz algum sentido no caso de transações de criptomoedas, para fins tributários ou para impedir atividades ilícitas.

Mas as transações de criptomoeda para criptomoeda também se tornaram um alvo e não está claro por que – muitos países, como a Polônia, por exemplo, os isentam da taxação.

As principais bolsas ou corretoras de criptomoedas que operam nos EUA, na Europa e no mundo estão agora coletando informações pessoais dos comerciantes.

Isso às vezes é feito através de programas de fidelidade que vêm com certos benefícios e muitas vezes se justifica com a necessidade de cumprir as novas regras KYC e AML.

Esses pedidos são geralmente acompanhados de promessas para proteger os dados coletados. Os críticos alertaram, no entanto, que o risco de suas informações confidenciais acabarem com outros fornecedores, serem perdidos por hackers ou compartilhado com algum governo, não necessariamente seu, permanece alto.

Algumas plataformas de negociação de criptomoedas reconheceram as preocupações dos usuários de criptomoedas e oferecem serviços que estão preenchendo a lacuna deixada pelas trocas estabelecidas, como o Shapeshift.

Corretoras de criptomoedas que respeitam sua privacidade

Passamos a listar algumas dessas corretoras de criptomoedas que ainda respeitam a privacidade dos seus usuários.

Godex

A Godex oferece swaps de criptomoedas rápidas entre mais de 200 moedas digitais, sem limites de troca além dos valores mínimos exigidos para cobrir as taxas.

Depois de escolher um par, é exibida uma taxa fixa, que é o que o negociador recebe se a troca receber o valor dentro de 30 minutos.

De acordo com um segmento Bitcointalk, a plataforma não tem um escritório central e sua equipe é baseada na Ucrânia, EUA, Itália e Rússia.

Os usuários não são solicitados a compartilhar dados pessoais, configurar uma conta ou passar o registro obrigatório. Fornecer um endereço de e-mail é opcional para confirmações e comunicação com o suporte.

“Como defendemos a privacidade absoluta, apagamos todos os dados de transações de nossos servidores em uma semana”, afirma a central em seu site.

Ele mantém uma quantidade mínima de informações necessárias para processar reembolsos, por exemplo. Isso inclui o email, o hash da transação e o endereço do remetente.

Changer

O Changer.com é outra corretora de criptomoeda que não requer uma conta, embora ofereça descontos para quem cria uma.

Se você não quiser fazer isso, ainda é possível trocar cerca de 15 moedas fornecendo um e-mail.

A plataforma de negociação oferece sua página principal em vários idiomas e controla dois outros domínios – exchanger.com e o obmen.com russo.

Há comentários mistos sobre fóruns de criptomoedas a respeito dos seus serviços, com a maioria das reclamações relacionadas a não responder a e-mails no prazo.

Fairshift

A Fairshift  não coleta dados adicionais do usuário, exceto as informações necessárias para processar transações relacionadas a uma troca de moedas.

Nenhuma conta é necessária para usar a plataforma e nada é coletado, ou por outra “nenhuma informação pessoal pode ser roubada em caso de invasão ou outro comprometimento”.

Dados básicos sobre transações concluídas, incluindo reembolsos, podem ser vistos na seção “Transações anteriores” do site da Fairshift.

Corretoras de criptomoedas com privacidade limitada

Outros sites oferecem privacidade limitada e anonimato condicional. Passamos a citar algumas:

Simpleswap

 O Simpleswap, essa corretora por exemplo, diz em sua seção de perguntas frequentes “Sim, nosso serviço é anônimo”. No entanto, o operador on-line observa que há exceções.

“O Simpleswap colabora com muitos parceiros. Nossos parceiros, de acordo com suas avaliações de risco e diretivas européias de AML, podem solicitar uma foto do seu documento de identidade válido em seu país e informações sobre a origem de suas moedas ”, explica a plataforma sem especificar os nomes de seus parceiros.

Coinswitch

Coinswitch, é um agregador de câmbio que suporta comércios entre mais de 300 criptomoedas através da integração com muitas trocas de líderes como Bittrex, Kucoin, Idex, Hitbtc, Shapeshift e outros.

Antes de fazer uma troca, no entanto, os usuários são obrigados a registrar uma conta e fornecer nome, data de nascimento e país de residência, número de telefone e um endereço de e-mail válido. Apenas as duas últimas entradas devem ser verificadas, no entanto.

Artigo adaptado da Bitcoin.com