O que é hipoglicemia (Baixa Glicose no Sangue)

O que é hipoglicemia?

A hipoglicemia é definida como baixo nível de açúcar no sangue (glicose). A hipoglicemia não é diabetes, mas costuma estar relacionada ao tratamento da diabetes, principalmente para pessoas que tomam muita insulina, ou que falham uma determinada refeição, ou ainda que pratica exercícios muito intensos.

No entanto, pessoas não diabéticas podem ter (raramente) hipoglicemia devido a algumas condições médicas, ou mesmo ingestão de alguns medicamentos.

Muitas vezes o valor que é considerado hipoglicemia são os que estão abaixo de 4 milimoles por litro (3,9 mmol/L) ou 70 miligramas por decilitro (mg / dL). Contudo, esses valores podem variar de pessoa para pessoa.

hipoglicemia neonatal

Nos casos da hipoglicemia neonatal o nível de glicose no sangue costuma ser inferior a 30 mg/dL (1,65 mmol/L), nas primeiras 24 horas de vida e inferior a 45 mg/dL (2,5 mmol/L) posteriormente. Para essa idade, esta condição pode apresentar sequelas em longo prazo, que incluem dano neurológico resultando em retardo mental, atividade convulsiva recorrente, atraso no desenvolvimento e transtornos de personalidade.

Portanto procure monitorar constantemente os níveis de glicose no sangue.

Exemplo de um Monitor contínuo da glicose (CGM), dispositivo que mede o açúcar no sangue a cada poucos minutos usando um sensor inserido sob a pele. Imagem da Mayoclinics

O que causa hipoglicemia?

Existem vários motivos para que o nível de glicose no sangue caia muito;  mas, o principal motivo é o efeito colateral de medicamentos usados ​​para tratar diabetes.

Hipoglicemia em pessoas com diabetes

Existem dois tipos de diabéticos: (1) aqueles que não produzem suficientemente insulina (diabetes tipo 1); e (2) os que produzem insulina mas o organismo deles, por algum motivo, não responde a este hormônio (diabetes tipo 2). Em ambos casos, a glicose se acumular no sangue, atingindo níveis perigosamente altos. Por que pode ser necessário uma medicação para corrigir esse problema.

No entanto, o excesso de insulina ou de medicamentos anti-diabetes (como a sulfonilureia) podem fazer reduzir consideravelmente o nível de açúcar no sangue, levando a hipoglicemia. Além disso, a hipoglicemia pode ocorrer também se um diabético ingerir menos alimentos do que o habitual, principalmente depois da medicação.

O nível de glicose no sangue pode cair também depois de se exercitar intensamente, passando os seus limites normais, além do atraso ou perda uma refeição ou lanche.

Causas em pessoas sem diabetes

A hipoglicemia é uma condição rara em pessoas que não têm diabetes. No entanto, quando ela ocorre pode ser devido aos seguintes fatores:

  • Tumor do pâncreas (insulinoma), pode induzir a produção excessiva de insulina. Além desse, outros tumores também podem resultar na produção excessiva de substâncias semelhantes à insulina.
  • Jejum ou desnutrição 
  • Consumo excessivo de álcool
  • Doença de Addison
  • Medicamentos. Certos medicamentos podem baixar o nível da glicose no sangue, especialmente em crianças ou em pessoas com insuficiência renal. Exemplos de medicamentos hipoglicemiantes são quinino (que trata malária ), salicilatos (para doenças reumáticas) e propranolol (para pressão alta )
  • Doenças graves que afetam o fígado (hepatites e cirrose), rins ou glândula tireóide

Complicações

Se não for tratada, a hipoglicemiapode levar a:

  • Convulsão
  • Perda de consciência
  • Morte
  • Tontura e fraqueza
  • Quedas
  • Lesões
  • Acidentes com veículos motorizados
  • Maior risco de demência em adultos mais velhos

Como tratar hipoglicemia?

Se você reconhecer os sintomas do baixo nível de glicose no sangue, pode tratar sozinho e em casa. Abaixo descrevemos algumas recomendações que você pode seguir.

Você vai precisar consumir alimentos ou bebidas contendo açúcar, com aproximadamente 20g de carboidratos de ação rápida, para ter um efeito imediato. Para isso, você pode, por exemplo, preparar um copo de suco de fruta ou refrigerante não dietético, ou tomar comer (chupar) doces, ou mesmo se tiver em casa, você pode tomar até cinco comprimidos de dextrose.

Contudo, procure evitar chocolate, leite, e alimentos gordurosos porque eles geralmente são absorvido mais lentamente; e podem não dar efeito imediato desejado.

Depois que você garantir que consumiu um alimento açucarado adequado e na quantidade ideal, como dissemos anteriormente, então você pode procurar comer outro tipo de alimento. Você verá que a sua recuperação acontecerá dentro de 15 minutos. Só irá precisar monitorar seu nível de glicose no sangue depois desse período e se o nível ainda estiver baixo, volte a consumir o açúcar como descrevemos acima.

Alternativamente, caso o tratamento descrito acima não der resultado, principalmente em pessoas que não conseguirem se alimentar sozinhas, você pode aplicar mel, geleia ou mesmo gel de glicose na parte interna das bochechas, depois siga massageando suavemente a parte externa de suas bochechas.

Como prevenir?

Para pessoas que frequentemente têm hipoglicemia, comer pequenas refeições ao longo do dia pode ajudar a evitar que os níveis de açúcar no sangue fiquem muito baixos. No entanto, essa estratégia não é recomendada a longo prazo. Por isso, é necessário manter uma consulta com seu médico para identificar e tratar a causa da hipoglicemia.

É importante evitar a hipoglicemia noturna, pois pode reduzir os primeiros sintomas dos episódios diurnos. Portanto, mantenha algo açucarado ao lado da cama, faça lanche antes de dormir, verifique seus níveis de glicose no sangue entre 3h e 4h.

Artigos que podem te interessar:

Referências consultadas: 1. Hypglycemia. Mayo Clinis. 2. Hypoglycaemia (low blood sugar). NHS inform. 3. Neonatal Hypoglycemia. Medscape.

Tratamento de flatulência e gases: medicamentoso e caseiro
Gangrena gasosa: causas, sintomas e tratamento
Menu