Tratamento da vertigem: 7 aspectos importantes

Veja mais em: ,

O tratamento da vertigem é feito de acordo com sua gravidade e suas principais causas. Contudo, é possível reduzir os sintomas da vertigem se ficar em um lugar silencioso e escuro. Além disso, um médico pode prescrever um remédio para vertigem.

A vertigem não é uma doença, mas pode ser sintoma de alguma doença que você tenha. Portanto, tratamento caseiro da vertigem pode funcionar a curto prazo. Por isso, é preciso procurar ajudar médica para diagnosticar a causa e te ajudar a resolver o problema de uma só vez. Os especialista que podem te ajudar são os que tratam problemas de ouvido, nariz e garganta ou neurologista.

A seguir apresentamos algumas formas de tratamento usado para tratar a vertigem. Dividimos estes tratamentos de acordo com suas principais causas.

Você pode ler nosso artigo para conhecer melhor as causas da vertigem.

Tratamento da vertigem posicional paroxística benigna (VPPB)

A vertigem posicional paroxística benigna (VPPB) é uma doença que muitas vezes desaparece semanas depois do seu início, sem precisar de tratamento. Isso ocorre porque os cristais de carbonato de cálcio que causam a VPPB tende a se dissolver ou se alojar num local onde não causam mais sintomas.

Em casos raros, quando os sintomas de vertigem duram meses ou anos, a cirurgia pode ser recomendada. Isso pode envolver o bloqueio de um dos canais cheios de líquido no seu ouvido.

Para minimizar os sintomas da VPPB procure evitar movimentar cabeça olhando para cima e, ao levanta-se da cama, faça devagar. Contudo, o tratamento da vertigem posicional paroxística pode ser efetuado da seguinte maneira:

Manobra Epley

Este tratamento procura remover os fragmentos dos cristais nos ouvidos. A realização desta manobra envolve pelo menos quatro movimentos separados da cabeça. Contudo,  a manobra de Epley pode não ser uma cura definitiva, sendo por isso necessária sua repetição. A seguir detalhamos as posições de Epley:

  • Posição 1. Você pode deitar-se numa mesa e ao deitar-se de trás, sua cabeça deve ficar suspensa, mas sendo segurado pelo seu médico;
  • Posição 2 e 3. Seu médico move de vagar sua cabeça para um ângulo de 45 graus no lado (geralmente, esquerdo) onde tiver labirinto; depois é rodada para o lado oposto no mesmo ângulo.
  • Posição 4. Seu médico procurará movimentar em seguida sua cabeça e seu corpo de modo que você fique voltado para chão.
  • Posição 5 e 6. Depois disso, seu médico procurará te levantar lentamente até te colocar sentado. No final, ele rodará a sua cabeça para a posição inicial.

Para compreender melhor a técnica acima, veja a imagem abaixo:

Movimentos da manobra de Epley

Com esse tratamento por duas semanas, é provável que os sintomas da VPPB desapareçam. Você pode fazer esses movimentos em casa, mas só depois de orientação médica; não tente fazer sem o diagnóstico correto. No entanto, se seus sintomas não tiverem melhorado após duas ou quatro semanas, procure novamente seu médico.

Exercícios de Brandt-Daroff

Se a manobra de Epley não funcionar, ou se não for adequada – por exemplo, porque você tem problemas no pescoço ou nas costas – você também pode tentar os exercícios de Brandt-Daroff. Esta é uma série de movimentos que você pode fazer em casa sem supervisão.

Para fazer os exercícios Brandt-Daroff, siga estas etapas:

  1. Comece o exercício se sentando na beira de um sofá, colchão ou cama.
  2. Deite-se sobre o lado esquerdo, virando a cabeça para olhar para cima enquanto o faz. Tente fazer os dois movimentos em 1 ou 2 segundos. Mantenha a cabeça erguida em um ângulo de 45 graus por cerca de 30 segundos.
  3. Sente-se por 30 segundos.
  4. Repita essas etapas no seu lado direito.
  5. Faça isso mais quatro vezes, para um total de cinco repetições de cada lado.
  6. Sente-se. Você pode se sentir tonto ou com a cabeça leve, o que é normal. Espere os sintomas passar antes de se levantar.

Se você não tem certeza se compreendeu a técnica acima, veja o vídeo abaixo:

Seu médico precisará ensiná-lo a fazer os exercícios. Você as repete três ou quatro vezes por dia durante dois dias seguidos. Seus sintomas podem melhorar por até duas semanas.

Tratamento da doença de Ménière

O tratamento da vertigem causada pela doença de Ménière é feita de várias formas, que incluem:

  • dieta com baixo teor de sal
  • medicamento para tratar ou prevenir ataques da doença de Ménière, que incluem proclorperazina, antihistamínicos e betaistina (veja mais no final quando falarmos de remédio para vertigem)
  • sonoterapia (tratamento com som), que tem como objetivo tornar os sons do zumbido menos intrusivos
  • uso de aparelhos auditivos para tratar perda auditiva
  • tratamento estresse, ansiedade e depressão, que os sintomas secundários da doença de Ménière.

Tratamento da labirintite

Como a labirintite é uma inflamação do labirinto (estrutura delicada no interior do ouvido), devido a infecção viral, pode não ser necessário tomar algum remédio. Isso porque uma infecção viral desaparece por conta própria. Mas, quando a labirintite é causada por uma infecção bacteriana, pode ser preciso um remédio para tratar a vertigem – seu médico pode prescrever um antibióticos.

Em casos raros onde há perda de audição pode ser necessário um tratamento de emergência para restaurar sua audição. Além disso, a labirintite também pode ser tratada com treinamento de reabilitação vestibular ou VRT (ou eabilitação vestibular).

Tratamento da neurite vestibular

A neurite vestibular é a inflamação do nervo vestibular (um dos nervos do ouvido que é usado para o equilíbrio).  Muitas vezes esta inflamação é resultado de uma infecção viral. Os seus sintomas podem desaparecer em algumas semanas. Mas, em casos graves pode ser necessário descansar. Consulte sempre seu médico para saber dar prosseguimento, caso você não melhore.

A neuronite vestibular também pode ser tratada com reabilitação vestibular e medicamentos.

Tratamento da vertigem de outras causas

Às vezes a vertigem pode ocorrer devido a um problema no seu sistema nervoso central (cerebelo e tronco cerebral), como em pessoas que sofrem de enxaqueca ou que tenham algum tipo de tumor. Nestes casos, tratando estas causas pode resolver o problema de tontura. Portanto, seu médico saberá como ajudá-lo eficientemente.

No entanto, se a vertigem que você sente for de causa desconhecida, pode ser necessário hospitalização, principalmente se você apresentar náuseas e vômitos intensos, ou a vertigem surge de repente ou mesmo se você tiver perda auditiva súbita.

Reabilitação vestibular

O tratamento da reabilitação vestibular (ou treinamento de reabilitação vestibular, VRT) consiste em execução de exercícios que estimulam o cérebro pra se adaptar às mensagens anormais enviadas pelos ouvidos. Por exemplo, durante o tratamento da vertigem por VRT, você pode se movimentar mesmo se tiver tontura e vertigem.

Esse treinamento é feito até o ponto em que seu cérebro saiba confiar os sinais dados pelo do resto do corpo, de modo que ele substitua os sinais confusos que vêm do seu ouvido interno. Dessa forma seu cérebro pode se acostumar com a vertigem ou tontura, restabelecendo o seu equilíbrio.

Você pode fazer a reabilitação vestibular com ajuda de um especialista ou com uma indicação certa, pode fazer sozinho em casa.

Remédios para vertigem

O tratamento da vertigem pode ser feita usando certos medicamentos. Muitas vezes os médicos prescrevem remédios para vertigem tratar episódios de vertigem causados ​​por neuronite vestibular ou doença de Ménière. A proclorperazina , betaistina e alguns anti-histamínicos são os medicamentos mais usados.

Se você tiver sucesso com esses medicamentos, seu médico pode te ajudar dando suprimento para manter em casa, para que possa tomá-los na próxima vez que tiver um episódio de vertigem. O tratamento para vertigem com esses medicamentos podem durar de 3 a 14 dias, dependendo da gravidade da vertigem.

Proclorperazina

A proclorperazina é um medicamento que ajuda a aliviar náuseas e vômitos graves causados pela vertigem. Seu mecanismo de ação está relacionado ao bloqueio da dopamina, um neurotransmissor do sistema nervoso central. Este medicamento pode causar efeitos colaterais, que incluem tremores e movimentos involuntários no corpo e na face.

Também pode causar sonolência em algumas pessoas. Para a lista completa de possíveis efeitos colaterais, verifique o folheto de informações do paciente que acompanha o medicamento.

Betaistina

A betaistina ajuda a reduzir a pressão do fluido no ouvido interno, aliviando os sintomas da doença de Ménière. Você pode encontrar este medicamento nas drogarias ou farmácias, na forma de comprimidos para serem tomados três vezes ao dia.

Seu médico irá te orientar a posologia correta, principalmente sobre a duração do tratamento, porque que pode ser você precise de algumas semanas ou mesmo um ano de tratamento. Os possíveis efeitos colaterais incluem sonolência, náusea, dispepsia, dor de cabeça e erupção na pele.

Anti-histamínicos

Os medicamentos anti-histamínicos, a cinarazina, ciclizina e teoclato de prometazina, ajudam a aliviar os sintomas menos graves de náuseas, vômitos e vertigens.

Estes medicamentos bloqueiam os receptores da histamina. Seus efeitos colaterais incluem sonolência, dores de cabeça e estômago embrulhado. Se seu médico prescrever este medicamento, procure verificar com atenção a bula do medicamento para obter a lista completa de possíveis efeitos colaterais.

Considerações finais

É importante você se manter seguro enquanto for uma pessoa que sofre de vertigem. Por exemplo, você deve evitar subir escadas ou operar máquinas, mas se não tiver opções informe seu empregador.

Se você sentir-se tonto ao se levantar, não se apresse para tal. Se a sua tontura fizer com que você sinta que vai cair, tome medidas para reduzir o risco.

Mantenha sua casa bem iluminada e livre de perigos que possam fazer com que tropece. Evite tapetes e cabos elétricos expostos. Coloque a mobília em um local onde provavelmente não irá bater e use tapetes antiderrapantes na banheira e no piso do chuveiro.

A vertigem também pode afetar a sua capacidade de conduzir. Você deve evitar dirigir se teve episódios recentes de vertigem e há a chance de ter outro episódio enquanto dirige.

Para ter sucesso no tratamento da vertigem considere reduzir o consumo de cafeína, álcool, sal e tabaco.

7 principais causas de vertigem
O que é lúpus? Exames e Tratamento
Menu