1. Página inicial
  2. dieta e nutrição
  3. Chá de alecrim: para quê serve, como fazer e muito mais!

Chá de alecrim: para quê serve, como fazer e muito mais!

Hoje, vamos falar do chá de alecrim que apresenta importantes propriedades que podem propiciar muitos benefícios para a saúde do organismo de homens e mulheres.

Atualmente, sabemos que ele é indicado para melhorar a digestão e ajudar no processo cognitivo. Existem pesquisas que apontam que ele é capaz de prevenir o câncer, melhorar o tratamento de problemas de pele, atua na redução de inflamações e pode aliviar diferentes tipos de dores ligadas à inflamação.

Inicialmente, podemos afirmar que as suas propriedades atuam também para a diminuição da  ansiedade, além de melhorar a saúde hepática e a saúde capilar.

Ele também pode apresentar efeitos colaterais em casos de excesso de uso, podendo causar vômitos, náuseas e espasmos. Em outros casos pode gerar contrações uterinas não sendo muito indicado no período de gravidez.

Neste artigo, falaremos mais sobre as propriedades e benefícios desse tipo de chá.

Você pode gostar de:

O que é Alecrim?

Estamos falando de uma importante erva aromática oriunda da região do Mediterrâneo. Tornou-se muito conhecida como uma poderosa solução para o emagrecimento, é expectorante podendo melhorar a inflamação gripal, além de ser antioxidante.

Segundo estudos recentes, combate casos de AVC (Acidente Vascular Cerebral) mais conhecidos como derrames, além de atuar em casos de doenças cerebrais degenerativas.

Esse chá é conhecido também por atuar no processo digestivo e na redução de gases e demais incômodos intestinais.

Ainda na época da nossa colonização, nosso país recebeu as primeiras ervas e sementes, na época sendo batizado em nosso território de alecrim comum, alecrim de cheiro, alecrim de jardim e alecrim de horta.

Os colonos tinham o hábito de tomar chá depois das refeições, ou quando sentiam algum problema de estômago e intestinal.

Propriedades do Alecrim

Como falamos anteriormente, ele apresenta muitas propriedades digestivas, diuréticas e anti depressivas. Geralmente, é aliado para auxiliar na digestão dos alimentos e no tratamento de dor de cabeça.

Também ajuda a cuidar de casos mais leves de depressão e ansiedade. Cientificamente, o seu nome é Rosmarinus officinalis sendo, atualmente, encontrado em supermercados, lojas de artigos naturais, farmácias, lojas de conveniência, feiras de produtos naturais e farmácias de manipulação.

Trata-se de uma erva aromática que apresenta folhas estreitas, pontiagudas e caule lenhoso. Na maturação, pode apresentar flores azuis e formato de arbustos, podendo alcançar dois metros de altura.

É conhecida como planta da família Lamiaceae, como menta, lavanda e orégano. Geralmente, tomar na forma de chá é o jeito mais simples e popular de consumir a erva. 

Ressaltamos que o chá de alecrim é conhecido no Brasil e no mundo devido aos benefícios à saúde. Além dos benefícios iniciais que apresentamos anteriormente, ele também é antisséptico, estimulante, expectorante, diurético, descongestionante e relaxante muscular.

A planta da erva apresenta compostos ativos que explicam tantoseus benefícios.

10 Benefícios do chá de alecrim para a Saúde

A seguir apresentamos os principais dez benefícios que podem gerar ganhos para a pessoa que o consome, confira:

1 –  Melhora  o sistema nervoso

Para pessoas estressadas, nervosas e que não possuem tempo para praticar  Yoga, consumir a bebida dessa erva pode ser uma grande oportunidade.

Ele ajuda muito a equilibrar o sistema nervoso e gerar benefícios como melhorar a memória, a concentração e o raciocínio. Já existem estudantes que bebem esse chá antes das provas.

Pessoas que possuem problemas que atingem os nervos como depressão, ansiedade e toque inicial podem se acalmar com essa bebida.

Ao auxiliar a combater a perda de memória o seu aroma pode também atuar para melhorar a memória dos idosos.

Porém, apesar dos vários benefícios para o sistema nervoso, para pessoas que sofrem com epilepsia existe o risco do chá estimular o desenvolvimento de crises epiléticas e piorar essa doença.

2 – Bom para digestão

Sabemos também que essa erva atua diretamente de forma positiva para a produção de gases e atua mais em casos de azia, diarreia e constipação.

No processo digestivo pode combater as bactérias ruins e atuar no tratamento da gastrite causada pela bactéria Helicobacter pilori.

3 – Bom para o estresse

É indicado também para combater o estresse, utilizado por meio da aromaterapia pode gerar resultado contra quadros baixos e médios de impacto em pessoas que sofrem de ansiedade

Também combate quadros de estresse, principalmente, no processo de aromaterapia ao ser aplicado junto com o óleo de lavanda. Nesse processo ele reduz casos de pressão arterial e a controlar os batimentos cardíacos.

A pessoa começa a sentir uma tranquilidade e menos ansiedade no seu dia a dia.

4 – Combate dores de artrite

Lembramos que o chá de alecrim possui propriedade anti-inflamatórias e analgésicas, pode criar alívios para dores causadas por artrite e casos de dor de cabeça, dor de dente, dores na região da pele e gota.

5 – Indicado para o emagrecimento

Para emagrecer ele é um forte aliado. Esse chá serve bem para ajudar a pessoa a emagrecer, ele apresenta ação diurética gerando menor grau de retenção de  líquidos, melhorando também no trânsito intestinal.

6 – Redução dos gases

Mesmo as pessoas que comem pouco podem sentir incômodo ou descontrole com os gases intestinais. É uma situação que, além de preocupar a saúde, pode também comprometer a relação com outras pessoas.

Ao utilizar o alecrim a pessoa pode reduzir o desconforto causado pelos gases intestinais e ainda reduzir as cólicas.

7 – É antioxidante e anti-inflamatório

Por ser uma planta rica em compostos fenólicos apresenta forte ação antioxidante e pode combater radicais livres e prevenir doenças como câncer, derrames e doenças cerebrais degenerativas.

8 – O chá de alecrim combate à gripe?

Segundo pesquisas recentes realizadas, o alecrim possui propriedades que podem combater o vírus da gripe. Já existem frentes de pesquisas que investigam se esse chá pode ajudar a melhorar a qualidade de vida de pacientes com covid-19, mesmo não curando essa gripe mais forte e mais perigosa.

9 – Indicado para diabetes

O seu uso é bastante indicado para quem possui diabetes. Ele possui propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias que geram benefícios para quem sofre com males crônicos como as consequências da diabetes como o estresse oxidativo e a inflamação.

10 – Mais força física

Quem toma o chá de alecrim pode sentir mais disposição para praticar exercícios leves, sentir leveza na cabeça e na mente e sentir mais força física.

Como fazer o chá de alecrim?

Lembramos que é muito fácil fazer esse tipo de chá. É indicado que a pessoa misture uma colher de sopa de ramos de alecrim, incluindo as folhas e hastes em xícara selecionada com água fervente e deixe por dez minutos para curtir.

Posteriormente, a pessoa deve fazer a filtragem até o chá ficar pronto. Em caso de não ter ramos de alecrim, a pessoa pode escolher fazer a bebida a partir de sachês de alecrim em pó, facilmente encontrados em mercados e lojas de produtos naturais.

Quais são os efeitos colaterais?

Para a pessoa que toma o chá em excesso, pode ocorrer sobrecarga na região do estômago e do intestino. Quando muito consumido na forma de óleo concentrado, a pessoa pode sofrer com náuseas, vômitos, irritação nos rins, sangramento no útero, vermelhidão na pele.

Em casos mais graves podem ocorrer elevação da sensibilidade ao sol e outras reações alérgicas.

Outro fator é o cuidado com as mulheres grávidas. Ao ser usado como medicamento ele é contraindicado para mulheres que estão grávidas e para as mães que estão amamentando.

Outra preocupação é o alecrim em excesso em pessoas que possuem convulsões ou dificuldades para coagular o sangue. Pessoas que usam medicamentos como aspirina também não podem consumir esse chá.

Como dito anteriormente, as pessoas que sofrem com epilepsia precisam usar essa erva com precaução, podendo a erva desencadear crises epilépticas.

Chá de alecrim faz mal para o coração?

Segundo os pesquisadores, o alecrim não apresenta contraindicações para o coração, somente em casos clínicos já verificados pelo médico.

Pacientes que utilizam medicamentos para o coração também não podem usar a alecrim sem o conhecimento do médico, mesmo não existindo contraindicações.

De forma geral, o chá de alecrim apresenta bons resultados para a circulação sanguínea e redução da pressão arterial sendo bom para a saúde do coração.

De maneira adequada pode gerar importantes retornos para a saúde do coração, podendo reduzir a oxidação de lipídeos e melhorar as defesas antioxidantes.

Como falamos anteriormente, é importante consultar o médico de confiança e verificar a possibilidade de consumir ou não o chá.

Chá de alecrim para o cabelo

A substância apresenta cheiro forte e agradável, sendo assim, além de ser aplicado em saladas ou ser ingerido na forma de chá, também pode ser aplicado nos cabelos.

Para aplicar nos cabelos a orientação é ferver duas xícaras com água e adicionar duas colheres de sopa de alecrim. Posteriormente, depois de esperar a solução esfriar, é indicado colocar em garrafa ou pote limpo. O indicado é colocar dentro de um borrifador.

Ao borrifar ou aplicar junto com o pente, ele pode acessar o couro cabeludo fortalecendo as raízes. Outra forma de aplicar é colocar uma parte da solução dentro do shampoo e condicionador.

Atualmente, a indústria cosmética já oferece xampus fabricados com alecrim, além dos tônicos feitos com óleo. Mesmo sendo industrializados, são produtos fabricados com todos os benefícios da erva.

Em outros casos, farmácias de manipulação também oferecem cremes e xampus naturais de alecrim que podem ajudar na recuperação dos fios, do couro cabeludo e da textura dos fios.

Em caso de buscar uma loção caseira, o caminho é ferver o alecrim como se fosse um chá adicionando outros ingredientes como a lavanda ou camomila e, posteriormente, passar a loção diretamente no cabelo antes de lavar.

Combate a queda dos fios

Sim, o alecrim pode ajudar a combater a queda dos cabelos em qualquer idade. Sabemos que a queda de cabelos pode ter outra causa como falta de nutrientes, mas o cuidado externo também é importante.

Contraindicações do chá de alecrim

Como falamos anteriormente, existem algumas contraindicações que devem ser acompanhadas. O caso de mulheres grávidas, alguns compostos existentes na erva pode estimular a menstruação, mal estar e gerar abortos espontâneos, hemorragia uterina ou parto prematuro.

Mesmo sendo calmante, as futuras mães que estão passando por algum estresse precisam buscar alguma fórmula calmante em outros tipos de chás.

As mulheres que estão amamentando também precisam evitar esse tipo de chá. Algumas substâncias da erva podem passar para o bebê durante a amamentação.

É importante ter cuidados com casos de convulsões, para pessoas que possuem predisposição para ter distúrbios desse tipo é importante conversar com o médico.

Existem efeitos colaterais que podem atingir o estômago como náuseas, vômitos, inflamação do intestino e mal-estar. Pessoas que possuem alergia ou utilizam aspirina constantemente precisam evitar o uso do chá de alecrim também.

O alecrim compromete a libido masculina?

Sabemos que as substâncias encontradas neste tipo de chá podem causar relaxamento, e ainda comprometer a libido do homem em algumas situações.

De forma geral, esse tipo de chá é muito relaxante. Ele apresenta substâncias que ajudam a diminuir os níveis de hormônios do estresse no corpo humano, gerando consequências analgésicas para dores, porém o relaxamento  poderá se tornar mais profundo.

O que podemos concluir sobre chá de alecrim?

O Chá de Alecrim é um poderoso aliado e promove inúmeros benefícios à nossa saúde. Portanto, seja para tomar o chá separado ou com bolachas, é uma boa dica para o lanche para reforçar o tratamento alternativo de diferentes males.

Como alertamos anteriormente, a ingestão do chá de forma incorreta ou em excesso pode gerar contraindicações e problemas como causar reações alérgicas, distúrbios gastrointestinais, contrações uterinas.

É preciso ter cuidado com casos de vermelhidão na pele, distúrbios hemorrágicos e casos de convulsões. Essas situações mais graves podem acontecer quando o usuário toma o chá de alecrim em grandes doses. Em média, quando as pessoas tomam de uma a duas xícaras de chá por dia, não é comum acontecer problemas como este por muito tempo. Além do chá, as pessoas procuram essa erva para melhorar a saúde dos cabelos, podendo aplicar no couro cabeludo e nos fios. De todo modo, o chá apresenta grandes benefícios com substâncias capazes de aliviar a dor e combater o estresse. Insira o chá de Alecrim na sua dieta diária e usufrua também dos seus benefícios!

Leia mais sobre:

Compartilhe este artigo

Autor

Mais lidos

Menu